https://centroespiritavirtual.org
top of page

Um ponto de vista

Ao crer na vida futura descortina-se uma série de oportunidades para o espírito que agirá de acordo com a previsão das consequências sobrevindas de suas escolhas. Certamente não terá receio da morte, pois, sabendo que o espírito é eterno e a reencarnação a garantia dos ajustes de uma justiça divina; prevalecerá então o bom senso de aperfeiçoar-se.


Ao verificar que os bens materiais não o acompanham durante a transição para a verdadeira vida, o espírito tem outro olhar para suas ações enquanto encarnado, considerando a fragilidade exposta diante dos desafios da vida cotidiana. Os tesouros adquiridos são efêmeros sobre o prisma da vida futura, outra época, novos desafios, outro corpo, posição social, tudo isso assola a sua tranquilidade, desde que não se detenha em tão pouco. Ora, sobre a visão espírita, a oportunidade concedida para resgatar as faltas ou excessos de uma outra encarnação não são uma mera promessa, e sim a certeza de que o mundo espiritual, que é a vida real, assegura-lhe avançar se souber passar pelas etapas necessárias para sintonia com o mundo maior.


Nada material irá agregar ao seu perispírito, somente as virtudes, o amor, o perdão e a caridade para com o próximo servirão de lastro para seu crescimento espiritual e por consequência entende que todos são iguais perante a lei divina. Prevalece a sintonia, a vibração que permite ao perispirito adequar-se à nova dimensão.


O espírita, ciente destes fatos saberá superar os momentos difíceis como uma prova a exigir-lhe conhecimento e prática para ser aprovado a nova série. Não adianta colar, passa quem sabe a disciplina, sem, contudo, abandonar os retardatários, os quais terão a chance de uma recuperação. Então, compete a cada um dar o melhor de si, esforçar-se para superação de conflitos íntimos adotando uma nova postura após conhecer qual a sua prova real. Espíritos superiores estarão o tempo todo a assegurar que estão no caminho certo estimulando pela intuição a não tergiversar e assim a evolução continua gradativamente, todavia, o livre arbítrio será respeitado, sempre.


Concluindo, somente a prática da caridade, a reforma íntima, a disciplina, e o estudo metódico da Doutrina dos Espíritos irá assegurar o roteiro sagrado para nova dimensão. Nada irá interromper a evolução do espírito, somente a sua vontade o conduzirá pelo caminho escolhido e por consequência, novas provas ou supressão de algumas em virtude do avanço o conduzirá por caminhos virtuosos.



Não há julgamento dos gozos terrenos ou posse de bens, o que não deve ocorrer é o apego, a escravidão, principalmente quando a verdade lhe é revelada, ou seja, a eternidade da existência espiritual a lei de causa e efeito. Sublimar as ações, transcender a matéria, amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a si mesmo é caminhar para evolução angélica.

12 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page